ANS suspende venda de 35 planos de saúde – Notícias

ANS suspende venda de 35 planos de saúde – Notícias
4.5 (90.29%) 204 votes


Determinação passa a valer a partir do dia 17 deste mês e afeta sete operadoras

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determinou a suspensão da comercialização de 35 planos de saúde de sete operadoras em função de reclamações relativas à cobertura assistencial, como negativas e demora no atendimento, recebidas nos últimos três meses do ano passado.

A medida passa a valer a partir do dia 17 deste mês, e faz parte do monitoramento periódico realizado pela agência. De acordo com a ANS, a ação é um instrumento “para garantir o correto atendimento aos beneficiários dentro dos prazos”.

Na lista de operadoras de saúde que tiveram planos com a comercialização suspensa aparecem a Federação das Sociedades Cooperativas de Trabalho Médico do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima (4), Saúde Sim LTDA (5), Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas (3), Unimed-Rio (18), Operadora de Planos de Saúde Serra Imperial LTDA (1), Ecole Serviços Médicos LTDA (2) e Associação Santa Casa Saúde de Sorocaba (2).

Os planos de saúde suspensos possuem juntos cerca de 230 mil beneficiários. Segundo a ANS, estes clientes continuam a ter a assistência regular a que têm direito e permanecem protegidos com a medida, uma vez que as operadoras terão que resolver seus problemas assistenciais para que possam receber novos beneficiários. O órgão governamental afirma que recebeu 16.169 reclamações em seus canais de atendimento entre os meses de outubro e dezembro de 2016.

Governo encaminha à ANS proposta de plano de saúde popular

STJ diz que é válido reajuste ‘razoável’ de plano de saúde conforme idade do beneficiário

A diretora de Normas e Habilitação dos Produtos da ANS, Karla Santa Cruz Coelho, afirma que “a medida tem se mostrado eficaz especialmente quando evitamos, por meio da suspensão, o ingresso de novos consumidores em planos que não estão atendendo seus clientes de forma satisfatória”.

— Agindo preventivamente, alertamos as operadoras para a urgência na adoção de medidas para a melhoria da assistência prestada.

Paralelamente, à suspensão, 10 operadoras poderão voltar a comercializar 46 planos de saúde que estavam com as vendas barradas. De acordo com a ANS, isso vai acontecer porque houve “comprovada melhoria no atendimento aos beneficiários”. Outras três operadoras tiveram reativação parcial.

Veja a relação de planos que tiveram a comercialização suspensa:

Federação das Sociedades Cooperativas de Trabalho Médico do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima
– Univida Coletivo por adesão I Apto – com obstetricia
– Univida Coletivo por adesão I  Enf – com obstetricia
– NOVO UNIVIDA II – ENFERM
– UNIVIDA EMPRESARIAL III – ENFERM

Saúde Sim LTDA
– Sim Classico Emp R1 ASC
– Sim Mais  Ade R1 ESC
– Sim Classico Ade R1 ESC
– Super Sim I Ade R1 ESC
– Sim Mais  Emp R1 ESC

Associação Auxiliadora das Classes Laboriosas
– OPALA
– PRIME
– PLANO LÁPIS-LAZÚLI

Unimed-Rio Cooperativa de Trabalho Medico do Rio de Janeiro
– Unimed Delta
– Unimed Beta
– UniPart Alfa
– UniPart Delta
– Unimed Personal Quarto Privativo
– UniPart Personal Quarto Coletivo
– Unimed Beta 2
– Unimed Alfa 2
– Unimed Delta 2
– Unimed Alfa 2
– Unimed Alfa 2 Dental
– Unimed Beta 2
– Unimed Beta 2 Dental
– UniPart Alfa 2
– Unipart Alfa 2 (0114)
– Unimed Alfa 2 (0114)
– Unimed Alfa 2 Dental (0114)
– Unimed Beta 2 (0114)

Operadora de Planos de Saúde Serra Imperial LTDA
– LIGHT AMBULATORIAL C/ COPARTICIPAÇÃO

Ecole Serviços Médicos LTDA
– Ecole Básico
– AMR Individual/Familiar Bronze

Associação Santa Casa Saúde de Sorocaba
– Santa Casa Saúde-S/Franquia-Mod.Standart-RN
– Santa Casa Saúde-C/Franquia-Mod.Master-RA



Source link

Add Comment