Como lidar com a tensão pré-casamento? Veja as dicas do Bem Estar | Bem Estar

Como lidar com a tensão pré-casamento? Veja as dicas do Bem Estar | Bem Estar
Rate this post


No mês das noivas, o Bem Estar preparou um programa para quem está prestes a casar e falou sobre a ansiedade e o estresse antes do grande dia. Como evitar?

Na alegria e na tristeza, na saúde e na doença. No mês das noivas, o Bem Estar preparou um programa para elas e falou sobre a ansiedade e o estresse antes do grande dia. A endocrinologista Alessandra Rascoviski deu todas as dicas para que o mês que antecede o casamento. O consultor e psiquiatra Daniel Barros explicou o que é a gamofobia – o medo de casar.

As noivas vivem um período de TPN (tensão pré-nupcial) excessivo até o dia do casamento. Isso porque os casamentos atuais viraram grandes eventos, cheios de expectativa e que trazem muita ansiedade aos envolvidos.

Com tanta coisa para resolver, o estresse crônico começa a aparecer e o que era para ser prazer, vira desespero, e os noivos vivem com a adrenalina no limite. Com a adrenalina em alta, o cansaço fica mais intenso e o cortisol também. O estresse também pode acarretar em noites insones e prejudicar, e muito, a saúde como um todo: corpo e mente.

Mas toda essa ansiedade e nervosismo podem resultar em algo bom. Estudos mostram que pessoas que são felizes no casamento têm maior expectativa de vida e apresentam menos queixas de doenças físicas e mentais que as solteiras.

Os nossos especialistas deram as dicas para relaxar e aproveitar o pré-casamento. Faça um bom planejamento e tenha um cronograma para que o estresse não tome conta da sua vida; peça ajuda; atividades da rotina, ligadas ao bem-estar, não devem ser abandonadas (faça exercícios, se alimente bem, se divirta, durma); evite alimentos com alto teor de gordura, bebidas com cafeína, álcool, cigarros, pois são estimulantes e podem aumentar o nervosismo.

Gamofobia
Medo de casar. Especialistas chamam de gamofobia. Para algumas pessoas, a ideia de casar parece um pesadelo. “Alguns sintomas da gamofobia são parecidos com pânico, síndrome do pânico. Aceleramento cardíaco, dor no peito, tontura, desmaio, alergias, sensação de sufocamento. Essas pessoas acabam desenvolvendo esse distúrbio e passam mal”, explica a psicóloga e terapeuta de casais Denise Miranda de Figueiredo.

A gamofobia pode ser resultado da soma de alguns medos, que isolados não parecem provocar grandes estragos, como: medo de perder a identidade, medo de não ter liberdade e medo das responsabilidades.

O tratamento é feito com sessões de terapia. O objetivo é bem claro: “não ficar refém da fobia e de um medo, mas você fazer a sua escolha. É se libertar do medo do casamento. Isso não quer dizer que a pessoa vai casar.”



Source link

Add Comment