Cúrcuma para Colesterol Alto – Benefícios, Estudos e Dicas

Cúrcuma para Colesterol Alto – Benefícios, Estudos e Dicas
4.5 (89.94%) 354 votes


Talvez você só conheça a cúrcuma como um tempero, mas a verdade é que este é um dos alimentos medicinais mais poderosos de que se tem notícia.

Conhecida também como açafrão da terra, a cúrcuma é bastante usada na culinária asiática e é ela que dá a coloração amarelada ao molho curry, iguaria indiana consumida em todo o mundo.

A cúrcuma faz parte da família do gengibre e, além de ser usada como tempero, é reconhecida há séculos pela medicina chinesa como um tratamento natural para cuidar de inflamações, infecções e problemas gastrointestinais.

Recentemente, alguns estudos mostraram o valor medicinal da cúrcuma no auxílio à diminuição colesterol alto. Vamos explicar abaixo como funciona o princípio ativo da cúrcuma para colesterol alto e quais são os benefícios de seu consumo para a saúde.

Como funciona a cúrcuma para diminuir o colesterol alto?

A cúrcuma estimula o fígado a produzir ácidos biliares em maior quantidade. Para compreender melhor como isto pode ajudar pessoas que têm o colesterol alto, é necessário entender que estes ácidos precisam do colesterol para sua síntese.
Isso quer dizer que o corpo vai precisar de mais colesterol para conseguir produzir os ácidos biliares, o que faz com que o próprio organismo transforme o colesterol em excesso em algo que ele precisa.

Além disso, os ácidos biliares servem para digerir a gordura dos alimentos, e por isso reduzem a absorção do colesterol pelo corpo, fazendo com que os níveis de colesterol na corrente sanguínea diminuam consideravelmente.

Benefícios da cúrcuma para colesterol alto

1. Combate à inflamação crônica

A inflamação é um fator decisivo na produção de colesterol, pois é ela que facilita a obstrução das artérias. Se não há inflamação crônica no nosso organismo, o colesterol pode passar livremente pela corrente sanguínea.

A inflamação, em um organismo saudável, é a forma que o corpo tem de se proteger contra doenças e invasores, como toxinas e bactérias. Quando o perigo é eliminado, a inflamação vai embora e o sistema imunológico volta ao normal.

No entanto, se não levamos uma vida saudável, vivemos sob muito estresse e temos o hábito de consumir altas quantidades de açúcar e gorduras, nosso corpo vira presa fácil para a inflamação crônica. É justamente ela que contribui para o aumento do colesterol, que pode causar ainda mais inflamação, criando um ciclo vicioso que pode estreitar as artérias e causar problemas mais graves.

A cúrcuma é um dos produtos naturais com maior poder anti-inflamatório reconhecidos pela medicina moderna. Ela é tão ou mais efetiva que remédios fortes, que podem conter efeitos colaterais não desejados.

2. Redução do colesterol LDL

Há dois tipos de colesterol: o HDL, conhecido como colesterol bom, e o LDL, o colesterol ruim. A cúrcuma é um alimento poderoso na redução dos níveis de colesterol LDL em nosso organismo por agir diretamente no fígado.

Alguns estudos mostram que a cúrcuma pode influenciar no aumento da criação de receptores de LDL, fazendo com que o colesterol ruim seja eliminado em maior quantidade pelo organismo.

Por isso, podemos dizer que a cúrcuma ajuda a metabolizar o colesterol em excesso que circula em nossa corrente sanguínea, pois tem o poder de aumentar a absorção da gordura nas células do fígado.

3. Absorção do colesterol

Ao consumir cúrcuma frequentemente, o nosso organismo passa a absorver melhor o colesterol. Isso acontece porque o fígado passa a metabolizar e eliminar o LDL mais facilmente, facilitando para outras células do corpo fazerem o mesmo.

Isso significa que o colesterol tem menos chances de ser depositado em células de gordura, facilitando assim sua passagem pelo nosso sistema e com maiores chances de ser eliminado.

4. Menor nível de triglicerídeos no sangue

Os triglicerídeos são um tipo de gordura formado quando há mais glicose na corrente sanguínea do que nosso organismo pode usar ou armazenar. Sempre que comemos mais carboidratos do que podemos queimar, o excesso de glicose no sangue é transformado em triglicerídeos.

Muitos especialistas afirmam que a cúrcuma reduz o nível de triglicérides no sangue, uma vez que seu princípio ativo aumenta a sensibilidade do corpo à insulina. Quando o organismo está mais sensível à insulina, mais glicose é queimada, diminuindo assim o teor de triglicerídeos do sangue.

5. Desintoxicação do fígado

O fígado é um órgão vital e por isso é essencial cuidar bem de sua saúde. Como já vimos, ele tem o poder de criar mais receptores de colesterol ruim, o LDL, eliminando, assim, as partículas que seriam prejudiciais à nossa saúde.

Além disso, o fígado é beneficiado pelas propriedades antibacterianas e antitóxicas da cúrcuma, que ajudam na desintoxicação natural do órgão.

Estudos

Um estudo realizado em coelhos que recebiam uma dieta rica em gordura mostra que a cúrcuma conseguiu diminuir consideravelmente os níveis de colesterol LDL e triglicerídeos no sangue.

A maioria das pesquisas até agora concluídas sobre a cúrcuma para colesterol alto foram realizadas em animais como o coelho. Apesar de ainda não haver muitos estudos que comprovem que o mesmo acontece nos seres humanos, é seguro dizer que há um forte indício de que a cúrcuma pode sim ajudar com a diminuição do colesterol alto.

A dúvida que surge entre alguns especialistas é sobre a dosagem ideal em seres humanos para que o efeito da cúrcuma para colesterol alto tenha eficácia. Em alguns estudos ainda não concluídos, os pesquisadores induzem o consumo de até 60 miligramas do tempero por dia.

De qualquer forma, a cúrcuma é usada como remédio na medicina oriental há séculos, trazendo muitos benefícios a quem a consome, por isso é um alimento muito recomendado.

Como consumir a cúrcuma para colesterol alto?

A cúrcuma pode ser usada por quase todas as pessoas, tomando cuidado apenas com eventuais excessos. Este poderoso tempero pode ser usado em uma série de receitas, muitas delas com influências orientais.

Uma forma de sair da rotina e testar os efeitos da cúrcuma para colesterol alto é adicionar algumas pitadas do tempero no arroz branco de todo dia. Além de ganhar um gostinho diferente, o arroz fica com uma cor linda e pode ser muito benéfico à saúde.

Outra forma interessante de baixar o colesterol no sangue é tomar chá de cúrcuma. Basta adicionar 3 colheres de café de cúrcuma em pó em meio litro de água fervente, deixando repousar por 10 minutos. Você pode tomar até 3 xícaras do chá por dia, intercalado entre as refeições.

Para comer diariamente a cúrcuma quase sem perceber, você pode adicionar algumas colheres do tempero juntamente com a pimenta do reino, misturando bem. Assim, toda vez que você temperar algum prato, vai estar consumindo a cúrcuma, sem alterar muito o sabor.

Muitas pessoas preferem fazer o uso da cúrcuma em forma de suplementos. É preciso tomar cuidado com a dosagem e qualidade da matéria prima. Alguns estudos mostraram que a cúrcuma pode ter um efeito melhor quando consumida junto de uma refeição. Pesquisadores especulam que a presença de gordura na hora do consumo da cúrcuma pode ter uma papel importante.

Precauções e efeitos colaterais

É preciso estar atento ao excesso de cúrcuma no corpo, pois ele pode obstruir as vias biliares de quem tem pedra na vesícula ou causar danos em pessoas que tomam remédios anticoagulantes. Durante a gravidez e amamentação, o uso da cúrcuma deve ser usado apenas sob orientação médica.

Não há muitos efeitos colaterais que a cúrcuma possa causar, desde que não seja consumida em excesso. Existem, no entanto, alguns relatos de indigestão, diarreia e pedra nos rins, sempre ligados à uma superdosagem do tempero.

A cúrcuma é conhecida também por diminuir a coagulação do sangue, portanto não pode ser consumida por quem já toma remédio anticoagulante.

Caso você vá fazer uma cirurgia, é essencial suspender o consumo da cúrcuma pelo menos 2 semanas antes da operação para que não haja nenhum problema de coagulação pós-cirúrgica.

Referencias adicionais:

 

Você já conhecia os benefícios da cúrcuma para colesterol alto? Pretende aumentar o seu consumo para aproveitá-los? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading…



Source link

Add Comment