G1 – Máscaras de super-heróis ‘dão poder’ a crianças na luta contra o câncer

G1 – Máscaras de super-heróis ‘dão poder’ a crianças na luta contra o câncer
Rate this post


Máscaras estilizadas evitam anestesia durante sessões de radioterapia (Foto: Huse/Divulgação)Máscaras estilizadas evitam anestesia durante sessões de radioterapia (Foto: Huse/Divulgação)
'As crianças apresentam grande alegria em usar a máscara do seu herói preferido', afirma o rádio-oncologista Marco Antonio Santana (Foto: Huse/Divulgação)‘As crianças apresentam grande alegria em usar a
máscara do seu herói preferido’, afirma o médico
Marco Antonio Santana (Foto: Huse/Divulgação)

Máscaras estilizadas estão ajudando crianças na luta contra o câncer no maior hospital público de Sergipe. Com ela, os superpoderes dos personagens das histórias de ficção são transferidos para os heróis de verdade, que se enchem de coragem e força durante o tratamento de radioterapia. A adaptação dos acessórios começou este ano no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Durante as sessões contra tumores na cabeça, pescoço ou face, é preciso ficar imóvel para que radiação atinja sempre o mesmo local do planejamento. Cada máscara termoplástica é moldada no formato do rosto do paciente para que o encaixe seja perfeito.

“As crianças têm bastante energia e ficam agitadas. Por isso, muitas vezes é necessária a aplicação de anestesia geral diariamente durante todo o tratamento, o que torna as sessões de radioterapia mais demoradas e complicadas. Infelizmente, para as crianças o conceito da máscara é assustador porque ela é branca e de aspecto estéril”, explicou o médico radio-oncologista, Marco Antonio Costa Campos de Santana, que teve a ideia e desenhou os super-heróis.

Ao transformar o ambiente hospitalar de forma lúdica, o resultado positivo foi imediato. “As crianças apresentam grande alegria em usar a máscara do seu herói preferido. Isso ajuda a dissipar a ansiedade e a despertar maior interesse pelo tratamento. Nossa intenção é fazer o mesmo para todas as crianças que necessitem do acessório, com o objetivo de tornar o procedimento menos traumático”, destacou o especialista.

“Fico feliz em ver que meu filho se sente melhor e mais forte quando usa a máscara do Homem-Aranha, que ele adora. Enfrentar o câncer já é difícil para um adulto, imagina para uma criança. Então todo esse cuidado especial ajuda a ele passar melhor por essa fase”, disse Doralice Santos, mãe do primeiro paciente a receber o acessório customizado em Sergipe.

Máscaras que eram brancas ganharam cor e um significado especial (Foto: Huse/Divulgação)Máscaras que eram brancas ganharam cor e um significado especial (Foto: Huse/Divulgação)

A inspiração foi baseada em alguns serviços de radioterapia do exterior, que modificaram as máscaras com personagens infantis. Toda a equipe do setor de radioterapia ficou sensibilizada e aderiu à iniciativa, os técnicos em radioterapia Joaquim Smith e Marcelo Bomfim também colaboraram com as artes.

“Nós optamos por encorajar as crianças a se tratarem sem anestesia, comportando-se como verdadeiros super-heróis. Os resultados têm sido excelentes e alguns pacientes já querem levar as máscaras para casa”, finalizou o radio-oncologista Marco Antonio Santana.



Source link

Add Comment