Seita religiosa nos EUA obrigava meninas a manter relações sexuais

Seita religiosa nos EUA obrigava meninas a manter relações sexuais
4.4 (88.89%) 171 votes

Transcrição livre (Pode conter erros)

Centenas de meneinas resgatadas em um rancho de uma seita religiosa no Texas eram obrigadas a se casar e a manter relações sexuais com homens adultos.

Documentos oficiais divulgados nessa terça feira revelaram detalhes fundamentalistas da igreja fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos dias.

Meninas de 13 anos eram obrigadas a se casar e forçadas a manter relações com o propósito de ter filhos. Várias meninas grávidas, outras haviam dado a lúz recentemente, foram descobertas no complexo da seita no Texas, que permite a prática da poligamia.

O local foi descoberto depois de uma denúncia feita por uma jovem, vítima de abuso sexual e físico e que havia dado a luz a um filho do marido de 50 anos de idade.

A legislação do Texas proíbe o casamento de menores de 16 anos. Cerca de 400 crianças foram retiradas da fazenda e estão sob custódia do estado

[tube]http://www.youtube.com/watch?v=b_5dVy7r-68[/tube]

Add Comment